musicaefantasia

Musica e fantasia: curtas as sugestões de discos, filmes e livros.

Categoria: Teoria

O método de criação do grande contista Dalton Trevisan

O método de criação do grande contista Dalton Trevisan

Dalton Trevisan cria sobre estória comovente anotada no calor da hora. Depois, digita-a. E alterna o trabalho sobre ela entre períodos de geladeira e reescrita, para minimizar o envolvimento pessoal com a estória e maximizar seu interesse para todos.

Anúncios

Pessoal intransferível, de Torquato Neto

Pessoal intransferível, de Torquato Neto

A melhor crítica (ou teoria) de poesia é feita por aquele que escreve poesia (Pound). Todo poeta teoriza sobre seu trabalho quando o comenta. Para Torquato Neto, isto significava a autenticidade obtida pela renovação, em conflito com o estabelecido.

Rui Palha, street photographer extraordinaire

Rui Palha, street photographer extraordinaire

Dizem que alguns índios temiam a fotografia porque ela lhes roubaria a alma. Teriam razão se o fotógrafo fosse Rui Palha, que registra luzes espirituais. Num studium totalmente lusitano, o impressionante rosto africano no punctum se destaca ainda mais.

A câmera clara, de Roland Barthes

A câmera clara, de Roland Barthes

Barthes, grande teórico da interpretação da fotografia, falava em studium, ou o contexto cultural de uma foto. E de punctum, seu elemento mais marcante. A foto do irmão de Napoleão disparou sua teorização: esses olhos que viram o imperador!

Heterônimo, segundo Fernando Pessoa

Heterônimo, segundo Fernando Pessoa

Heterônimo foi a palavra que Fernando Pessoa criou para indicar uma persona literária, um autor, diferente daquela de quem escreve. Podemos entender como um processo teatral, ou até como algo mediúnico, apesar de não haver necesariamente outros espíritos envolvidos.

Dialética hegeliana, grosso modo

Dialética hegeliana grosso modo

Filósofos marxianos e hegelianos dizem que a dialética leva a outra forma de pensamento. Mas grosso modo, é uma lógica de processos: primeiro se mapeiam as forças em oposição, as contradições. E depois se calcula sua resultante, a síntese.

Escritor de belles lettres, segundo Ezra Pound

Escritor de belles lettres, segundo Ezra Pound

Escritor de belle lettres é uma categoria da classificação de Pound não tão elogiosa quanto mestre ou inventor, que deixam sucessores na história literária. Por isso é pouco comentada. Eles aperfeiçoam ao máximo uma fórmula literária que não inventaram.

O valor da sociologia de botequim

O valor da sociologia de botequim

Não se deve recusar a sociologia de botequim, ou marxismo de mesa de bar… que publicitários chamam de brainstorming. É o pensamento sem formalidade que capta ângulos inesperados e criativos. Que devem depois ser investigados com o devido rigor.

Por que ir contra a retórica ?

Por que ir contra a retórica ?

A retórica é a sede da ideologia (Roland Barthes). Todos aprendizados e o gosto comum estão juntos na arte do bem falar. E todos preconceitos também. Por isso, cada novo movimento literário substituia a antiga retórica por uma nova.

Manuel Bandeira, inventor

Manuel Bandeira, inventor

Falando de Manuel Bandeira, considerado por muitos um poeta menor, José Paulo Paes escreveu “Poeta menor, menor, menor/ Enorme !” Quem lê Bandeira tende a pensar que, brevemente, tendo passado este poder literário, o poeta será considerado um inventor.