musicaefantasia

Musica e fantasia: curtas as sugestões de discos, filmes e livros.

Categoria: Música

Here’s to you (Nicola and Bart), com Joan Baez

Hoje em dia é difícil explicar o que é anarquismo. Mas é fácil explicar a injustiça da pena de morte para Sacco e Vanzetti. Fácil sentir solidariedade por eles nos versos de Joan Baez e música de Ennio Morricone.

You belong to me, com Carly Simon

Se houver um bom sentido para a palavra apego, ele está em You belong to me. Quem canta diz para a outra parte do casal que não precisa se mostrar atraente para outras pessoas: olhos amorosos veem sua beleza.

Always on my mind, com Elvis Presley

Always on my mind fala de um relacionamento em crise, apesar do cantor sempre pensar na pessoa amada. A letra é bela porque fala da tristeza de modo muito sóbrio. E termina com um pedido de reatamento, de continuidade.

Dois pra lá, dois pra cá, de Bosco e Blanc, com Elis Regina

Aldir Blanc e João Bosco foram grande dupla da MPB, que os tempos atuais parecem fazer esquecer. Radiografavam o universo da pequena classe média carioca. Grandes versos como “a ponta de um torturante/ bandaid no calcanhar” eram sua marca.

Fixing a hole, com The Beatles

Muitos dizem que Fixing a hole faz apologia do baseado: mas ninguém pode negar que é muito forte nela a sensação da tranquilidade de simplesmente estar na própria casa. McCartney canta: se estou errado, estou certo onde eu moro.

Sozinho, de Peninha, com Caetano Veloso

Os poetas antigos cantavam seus poemas, em vez de lê-los. Caetano tem essa habilidade; por isso, sabe destacar a poesia nas canções de outras pessoas. A canção Sozinho, de Peninha, mais do que valorizada, foi redescoberta, em sua interpretação.

Brian Epstein, o quinto Beatle

Brian Epstein, o quinto Beatle

Segundo McCartney, o empresário Brian Epstein era o quinto Beatle. Não sendo realmente parte da banda, ele tinha visão mais clara do todo. Mas tinha acesso aos músicos e podia dialogar com eles sobre essa visão, orientando seu trabalho.

You’ve lost that lovin’ feeling, com Darryl Hall & John Oates

You’ve lost that lovin’ feeling é uma música muito tocada e lembrada. Fala tão suavemente da perda cotidiana de um sentimento amoroso que nem parece triste: às vezes a gente se pega cantando-a como se fosse uma música alegre.

Ave Maria de Schubert, com Andrea Boccelli

A Ave Maria de Schubert na verdade não é uma criação de Schubert. A composição original de fato era oração à Nossa Senhora, mas a conhecida Ave Maria é uma adaptação da oração em latim à melodia de Schubert.

Fidelio, de Beethoven, regida por Nikolaus Harnoncourt

Normalmente não se enfatiza que Beethoven retratou as transformações sociais e políticas da queda do feudalismo e ascensão do capitalismo. Fidelio mostra a perda de poder feudal do governador de uma prisão, versus um ministro, representante do estado centralizado.